Calcificações idiopáticas são as que ocorrem em tecidos normais, na presença de níveis normais de cálcio sanguíneo. São exemplos os sialolitos e os flebólitos.

Flebólitos são calcificações patológicas formadas mais especificamente em antigos trombos de veias ou em hemangiomas de fluxo de sangue lento. Clinicamente são semelhantes ao sialolito, porém a coloração é mais avermelhada quando encontrados mais superficialmente à mucosa. À palpação são rígidos e eventualmente, sensíveis ao toque. Geralmente são múltiplos, podendo ser únicos, e estão externos ao ducto . Em corte transversal a forma é  redonda ou oval com uma periferia lisa.Aos exames de imagem o aspecto é radiopaco e homogêneo, porém é muito comum apresentar um aspecto laminado.

É importante ressaltar que o correto diagnóstico firmado em achados clínicos e radiográficos de flebólitos, em tecidos moles da região de cabeça e pescoço, constitui evidência da presença de lesões vasculares advindas de possíveis doenças circulatórias que podem ser classificadas como hemangioma ou  distúrbios hemodinâmicos.

Imagens do acervo particular do ESTOMATOLOGIA “ON LINE”

[slideshow]